Acho que já escrevemos sobre esse assunto antes, mas de tanta importância que ele tem, merece mais uma vez ser citado aqui.

Nessa madrugada (14/09/2010) tivemos rajadas fortes de vento em determinadas regiões do RS, e infelizmente em uma dessas regiões está uma torre pela qual passa um de nossos circuitos de transmissão. Resultado: com a ventania causada pelo ciclone extra-tropical que se formou na costa, esta torre foi danificada e o circuito, interrompido. Além, é claro, de diversas outras avarias em redes elétricas pelo Rio Grande afora (fonte: Zero Hora).

Para contornar o problema, o sistema de redundância entra em ação e desvia o tráfego para outro caminho, encaminhando todas as solicitações de acesso para um circuito paralelo. Resumindo, o acesso aos sites e demais serviços é feito usando um caminho alternativo e praticamente imperceptível para os usuários.

É claro que, por mais automatizadas que sejam as tarefas, elas sempre exigem supervisão, pois nem mesmo um sistema anti-falhas é livre de falhas. Porém, mais uma vez tivemos sucesso e se ocorreu algum downtime, com certeza foi breve.

É por essa e por outras que damos tanta importância à redundância, não só nos links, mas nos sistemas de alimentação, nos servidores, nos dispositivos de rede, nos equipamentos em torres… enfim, em todos os aspectos possíveis. Tudo isso pra promover a você, nosso cliente, uma conexão sempre disponível e uma navegação sempre tranquila.

Um grande abraço e até a próxima.

Equipe Veloturbo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Por favor, preencha o campo *